Cinco mitos sobre o sucesso do Orkut nas táticas de mídias sociais

Quantas vezes por ano você ouve ou lê que o Orkut morreu? Não dá para contar nos dedos, não é mesmo? Então, este post foi feito para você que acredita que ele vai morrer em breve e, para você, que acredita no sucesso dele como a rede social on-line de maior sucesso no Brasil.

Ninguém acessa mais o Orkut
– 28 milhões de usuários/mês, com cobertura de 70% dos internautas brasileiros. Tá bom pra você? Dentre eles, 88.6% têm entre 18 e 24 anos de idade. Por ser uma rede mais “amigável” em termos de usabilidade, o Orkut também cobre 65% do target de 35+. Fonte: Media Kit Orkut

O Facebook ultrapassou o orkut
Se você não entendeu até agora que o Facebook está longe de ultrapassar o Orkut, a gente desenha com o gráfico do ComScore:




Mas e a notícia do Alexa?
O TechTudo explica. Mas resumidamente, o alexa mediu tráfego e não usuários únicos. As pessoas realmente passaram a abrir mais vezes na semana o Facebook do que o Orkut, mas isso não reflete uma leva de Orkutcídios. Além disso, o Orkut possui dois domínios, que costumam conflitar a mensuração.

As comunidades estão abandonadas
– Houve uma queda nítida do volume de interações nas comunidades, no entanto, muitas se mantêm com grande nível de interação. Geralmente são comunidades de nichos feminino e tecnológico, mas há muita coisa voltada para entretenimento também (reparem em comunidades que antecedem aos lançamentos de programas da Globo e comunidades de novela superativas). Um bom mapeamento responde a esta pergunta.

– As comunidades patrocinadas foram uma nova atitude do Orkut rumo ao aumento da interação. Essas comunidades oferecem melhores modelos de moderação, customização do header, streaming, e acreditem: integração com o Twitter. O Orkut.com/aovivo, que lançará hoje o entrevista e show com a cantora Pitty, já reuniu mais de 5 milhões de membros.

Algumas comunidades patrocinadas de sucesso:

Atualmente, as comunidades patrocinadas são um “bônus” ao investir acima de R$130 mil em mídia no Orkut. Os projetos duram, em média, 3 meses. A minha sugestão ao Orkut é que isso mude em breve. Existem muitas marcas que pagariam um pouco menos para ter comunidades patrocinadas em longo prazo.

As classes mais baixas dominam o Orkut
– 50% dos usuários do Orkut ganham entre R$2.000,00 e R$8.000,00, segundo dados do Google. Tentei segmentar por classes, mas os dados fornecidos pelo Orkut não informam se a renda declarada é individual ou familiar, e isso faz total diferença. No entanto, percebemos o quanto os usuários possuem poder de consumo.

Campanhas no Orkut não dão resultado

– Os formatos de mídia no Orkut, como a home, temas (background patrocinado) e comunidades patrocinadas, além da possibilidade “ao vivo” são bastante impactantes e fornecem excelentes resultados como formatos de mídia. No entanto, eles são grandes investimentos e estão distantes do mundinho do “seeding”.

– Os dados do ComScore também apontam que o usuário do Orkut passa mais tempo nos Social Games do que no Facebook. Este dado só embasa o sucesso de campanhas como o case Bis no Colheita Feliz e frases do gênero “O Orkut é a Globo das mídias sociais”.

* Este post foi feito com ajuda de Aline Magno e a amizade preciosa de Rodrigo Prior.

Patrícia Moura

Patrícia Moura é Publicitária, Especialista em Mídias Digitais e professora em cursos de Pós-graduação e MBAs em Marketing digital.

27 comentários sobre “Cinco mitos sobre o sucesso do Orkut nas táticas de mídias sociais

  1. @André, eu mesma compartilho com o Orkut. Vá no botão “share” e digite Orkut na busca. Você manda pra lá pelas atualizações. Obrigada pela visita e comentário =) Miss.

  2. Este é um artigo publicitário? hehehe bem, usamos também a rede social e sabemos dos mitos, mais no geral o facebook está ainda mais badalado que o Orkut. Em muitas partes, o Orkut é melhor que o Face e isso é vizível, como no caso de domunidades que ficam de forma diferentes de rede social para outra. Gostei de saber de números e o post foi muito bem elaborado, mais a visão de interação se vê na prática.

  3. Ok. Orkut não morreu
    apenas seu público que é uma merda mesmo.

    Dados mortos, onde pessoas deixaram seus perfis esquecidos?
    Ok.. Nao vo falar mais nada. To errado, vcs provaram o contrario. nao é?

    • Daniel, respeito seu ponto de vista, mas acho bem difícil serem dados mortos, visto que eu confrontei duas fontes: media kit do Orkut X ComScore. Existe uma métrica chamada MAU e outra DAU – que querem dizer respectivamente, monthy active users e daily active users. Vou checar o MAU e o DAU e faço questão de inserir um update no post ou lançar um segundo falando sobre o tema. Obrigada pelo comentário e volte sempre :)

  4. Olá Patrícia, tudo bom?

    Acredito que o Orkut esteja mesmo longe do fim, visto os números divulgados recentemente e que você tão bem comentou. Mas acho também que eles estão passando por um momento de transição importante, onde precisam criar o novo sem que este novo seja tudo aquilo que o Facebook já lançou. rs

    Muita gente, inclusive eu, já migrou quase 100% pro Facebook, por causa da “perda de graça” que o Orkut adquiriu nos últimos meses. Mas que, mesmo assim, não deixam de usar o Orkut diariamente. Isso fará com que os seus fãs estejam sempre atualizados sobre as novidades, podendo sempre optar por voltar correndo para ele. rs

    Muito bacana o espaço que criou aqui, vou voltar sempre! :)
    Um abraço e sucesso.

  5. Muito bom Patricia,
    eu estava justamente discutindo alguns desses tópicos com uma amiga hoje. É bem perceptível o grande sucesso que o orkut ainda possui, apesar do crescimento bastante significativo do FB. Eu particularmente sou mais prefiro o Facebook, mas contra “dados não há argumentos”. Grande abraço.

  6. Eu acho que esta informação é totalmente equivocada:
    “88.6% têm entre 18 e 24 anos de idade”

    O motivo é que, em tese, o orkut só permite criação de contas para maiores de idade. O que não impede que usuários mais novos mintam no momento de criarem suas contas. Tenho uma irmã de 16, que desde os 13 já possui conta no orkut. Suas amigas de escola também. E, se você reparar no nível de alfabetização dos usuários, verão que eu não estou citando só um exemplo pessoal.

    Acho que o correto seria:

    “88.6% têm até 24 anos de idade.”

  7. Olá Patrícia, tudo bom?

    Eu sou um dos muitos que deixei o Orkut de lado. Apenas o utilizo para manter contato com amigos que ainda não migraram para o facebook, e lembretes de aniversário. As comunidades são praticamente inúteis, em grande parte os posts são spams, o público que participa das comunidades não sabem argumentar, já recebi respostas ofensivas do nada. Grande parte dos updates dos meus contatos são de social games. O mais difícil será o Google reinventar o Orkut sem copiar o facebook! Abraços

  8. É óbvio que o orkut não está morto. É impossível matar um site com mais de 30 milhões de usuários em um curto espaço de tempo. Mas a pergunta que fica é: qual é o futuro do orkut? O processo migratório para o Facebook é fortíssimo. Até o fim do ano, sem dúvidas, o orkut terá menos usuários que o Face. Se ainda não morreu, pode encomendar o caixão.

  9. Olá Patrícia,
    Parabéns pelo post…é realmente muito válido lembrar a todos que o Orkut não morre tão cedo. Eu prefiro muito mais o Orkut, vejo e clico nas campanhas e me divirto muito com as Comunidades.
    Quando ao Facebook, acho muito complicado, existem algumas funções que ainda não consegui entender. Seu sucesso existe por ser uma novidade, assim como foi o Orkut.
    Mas tudo tem seu tempo. Acredito que logo inventarão uma nova rede social que desbancará o Facebook. O mercado é assim.
    Abraços, sucesso.

  10. O Orkut está para o Facebook agora, assim como o ICQ já esteve para o MSN e assim como o Netscape esteve para o Internet Explorer (década de 90). Aposto o quanto for que o Orkut está agonizando, mas aos pouquinhos… Achar que isto irá mudar é chutar cachorro morto.

  11. Oi lindona,
    Ótimo post! Acho que muitos dos comentários e atestados de óbito do Orkut vêm do fato de que as pessoas têm dificuldade de imaginarem duas (ou mais) grandes redes sociais. A tendência é adotar uma visão totalitária e querer um monopólio, além de imaginarem que todas as pessoas são como si.

    A sobrevivência e atividade do Orkut são estranhos à essa visão, mas não deixam de ser uma realidade. O quão interessante é o Facebook para a classe C – D? Talvez menos do que o Orkut. Esse é um dado que eu adoraria ver, inclusive.

    Isto é, provavelmente a gente caminha pra no mínimo um oligopólio das redes sociais, e isso é ótimo.

    Enfim, obrigada! Beijos.

  12. boa matéria, no entanto não podemos esquecer que apesar do Orkut dominar parte da américa latina + Índia, o Google continua criando e analisando a possibilidade de uma nova rede social… aguardemos a guerra pela disputa publicitária( atualmente dominada pelas pesquisas/resultados do Google)

  13. Otimo post, infelizmente acredito que como foi citado acima, existem “dados mortos” mas nao em relacao a pesquisa, mas sim em relacao a perfis pouco atualizados, comunidades fantasmas, perfis de pessoas que ja morreram (ok, tem em todas), e outra duvida:
    esses acessos contam tambem os acessos aos contatos via motoblur e android? pois nao matei meu orkut mas praticamente soh acesso ele pelo calendario do android e qnd o motoblur verifica os contatos, e conheco varias pessoas assim (o sistema da nokia q eh mais comum tem essa interacao tb, alem de outras marcas com celulares menos populares) pq se contat isso como acesso, seria necessario retirar esses numeros dos graficos…

    não quero ser um defensor da morte do orkut nao, apenas a qualidade vem caindo… parece um forum sobre bbb, download de mp3 e joguinhos como fazendinha e colheita feliz… ou no meu caso um grande calendario com fotos…

  14. O que podemos ver e nem precisa entender muito do assunto para constatar, é que a popularidade do Face está nas alturas e que muita gente, que antes nem sabia o que era facebook está criando uma conta.

    Existem os que falam que o orkut acabou, assim como existem os que falam que o jornal acabou.

    O orkut ainda está bem vivo e lucrativo, suas raizes são fortes no Brasil.

    O orkut é muito lento e o face é muito rapido nas inovações e cada vez mais o brasileiro vai evoluir e migrar. Sim ir para o face é evoluir digitalmente, pois mostra que o usuário está aprendendo.

  15. Orkut já morreu, só falta enterrar, não há como fazer estratégia num ambiente onde só tem pessoas procurando festas e com perfis fake

    • É mesmo, Guto? Você já fez ação de mídia lá para comprovar que os investimentos não tiveram retorno? Se for o caso, passe os dados por favor… Não é isso que o departamento de mídia vem mostrando nos relatórios. E… não sei por quê, mas tive a impressão que tinham 5 milhões de pessoas inscritas na comunidade Ao vivo, logo que lançaram http://www.orkut.com.br/aovivo. Também tive a impressão de ter visto Orkut Ao Vivo nos Trending Topics do Twitter enquanto a Pitty estava lançando o novo DVD… Será que estou enganada e as pessoas só querem saber de festas e fakes?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>