04/07/11

Mídias Sociais já não se faz a zero reais como antigamente


A prova disso são as grandes marcas investindo em comunidades patrocinadas, fan pages muito bem elaboradas e branded channels do youtube que valem mais que as barras de ouro do Silvio.

Para isso, não é preciso apenas profissionais que sejam bons de conteúdo e, sim, de planejamento. Nenhuma marca que se preze vai investir mais de R$100.000 em um canal do youtube ou comunidade, se a agência não apresentar um plano de gestão e conteúdo coesos.

A exemplo disso, podemos citar “marcas” como o Vaticano. Com milhares de fiéis espalhados pelo mundo, a estratégia de entrada do Vaticano nas mídias sociais envolve:

- Presença digital bem dividida
O vaticano está presente nas 4 principais plataformas sociais mundiais: twitter, youtube, facebook e Flickr. Atendendo assim, aos principais formatos de compartilhamento (texto, fotos e vídeos).

- 4 idiomas
Para alcançar seus públicos com mais facilidade, o conteúdo do Vaticano está disponível no site em dois idiomas e no youtube em quatro – incluindo o Espanhol, o Alemão além do idioma principal que é o Italiano e o idioma global, o inglês. Daí, já é possível pensar em quantos profissionais de conteúdo (ou até mesmo escritório de tradução) estão envolvidos no projeto

- custo de produção
O custo de produção de conteúdo audiovisual de boa qualidade não é dos mais baratos. No Flickr, por exemplo, o Vaticano já conta com mais de 700 fotos publicadas desde abril deste ano. O canal do youtube é mais antigo, mesmo assim, com larga escala de publicação, o canal possui mais de 1.000 vídeos enviados, produzidos pelo “The Vatican Television Center” (CTV).

- Equipe envolvida
Jornalistas, produtores de áudio e vídeo, tradutores e dezenas de profissionais são orientados pelos planners de social media, que definem o que deve ser postado (de acordo com o calendário do Papa, claro), como deve ser postado e disseminado.

Em suma: grandes marcas ou entidades já não apostam mais nas mídias sociais como o “meio baratinho” e, sim, investem em qualidade e periodicidade de produções em busca de criar a manter uma audiência fiel.

Para conhecer todos os canais do Vaticano nas mídias sociais acesse: http://www.news.va/en

P.S: outras sugestões para o nome do post: “O papa é pop” e “olha quem está twittando” :P

categoria: Opinião • tags , , , , , , , ,